Você já deve ter acompanho debates sobre a eficácia da sala de aula versus do ensino à distancia (EAD). E deve ter percebido que o debate é ainda mais acirrado se o campo de estudo envolver as ciências da saúde. Mas, é possível dizer com precisão qual tipo é mais eficaz? Enquanto a sala de aula oferece interação em tempo real com colegas e instrutores, o sistema EAD permite que o aprendizado aconteça em um ritmo mais flexível. Sendo assim, quando você se encontrar em situação de tomada de decisão, como você pode decidir qual método você irá escolher? Abaixo, nós listamos alguns pontos que podem ajudá-lo nessa escolha.

 

1. A Natureza das modalidades
A principal diferença entre aulas presenciais x eLearning é que o ensino presencial permite que os alunos interajam pessoalmente com instrutores e outros alunos em um ambiente ao vivo. Já no EAD, o aluno depende de canais e mídias eletrônicas para que essa interação aconteça.

 

2. Conteúdo do treinamento
Quando se trata apenas de fornecer informações teóricas, protocolos, condutas e atualizações de modo a fazer com que todos entendam conceitos, o EAD é definitivamente uma escolha melhor em comparação com o treinamento em sala de aula. Em um mundo rápido e dinâmico, você pode facilmente aproveitar o benefício do eLearning na forma de livros eletrônicos, manuais on-line, áudio e vídeos de treinamento. Entretanto, se o conteúdo versar sobre aspectos que envolvem manuseio, prática, manipulação, e que exijam troca para a construção do conhecimento, os treinamentos presenciais serão mais recomendáveis.

 

3. Requisitos do Aluno
Os cursos EAD podem ser altamente benéficos e envolventes para os alunos adultos. Esses alunos experientes, autodirigidos e que, geralmente, desempenham múltiplos papéis, são mais propensos a seguir esse curso que pode permitir que eles experimentem, pratiquem, executem e adquiram habilidades necessárias. Além disso aprender em seu próprio ritmo, vivenciar cenários interativos, simulações, jogos de resolução de problemas, histórias, estudos de caso, etc., nos cursos de eLearning podem envolver-lhes mais do que o treinamento em sala de aula. A sala de aula, por sua vez, é uma opção interessante para os alunos que não se sentem confortáveis com a tecnologia ou tendem a perder o interesse em um curso auto-dirigido.

 

4. Custo Benefício
Em relação ao custo benefício diversos estudos apontam o EAD como sendo uma opção mais econômica. Contando despesas com deslocamentos, materiais e tempo e comparando-se dois cursos idênticos, um presencial e outro EAD, os cursos EAD podem apresentar uma economia de até 70%! (IOMA 2002).

 

5. Acompanhamento do progresso dos alunos
O acompanhamento do progresso dos alunos nos cursos presenciais é feito manualmente na sala de aula, o que às vezes pode resultar em registro incorreto de dados. Por outro lado, os cursos EAD rastreiam e monitoram o progresso dos alunos automaticamente de modo mais eficiente.

 

Portanto, a melhor opção para cada aluno pode variar conforme as necessidades do aluno e o conteúdo, cabe ao aluno entender como poderá fazer para tirar o melhor proveito do assunto que estiver estudando. Uma dica: os cursos de Introdução Alimentar para Profissionais e o Avançado de Doulas de Parto da unimaterna possuem a opção presencial e online, aproveite!

Conheça nossos cursos digitais e escolha a melhor opção para você!

saiba mais